: : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : :   CRÔNICAS    : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : :
de
Hélder Câmara


   24/01/2004                 

Supertorneio Corus tem partidas de alto nível 

Jovens mestres brilham nos torneios secundários
 

        O festival de Wijk aan Zee, na Holanda, que está sendo realizado entre 10 e 25 deste mês, vem apresentando partidas de alto índice técnico, em especial o supertorneio A, que atinge a extraordinária categoria 19, com 2702 pontos-ELO.

         No torneio C, destaque para o jovem MI Magnus Carlsen (30.11.1990 Noruega 2484), cuja espetacular atuação (7/9) lhe atribuiu sua primeira norma de GM. No torneio principal, o super GM-A indiano V. Anand vinha cumprindo invicto o seu favoritismo (6.5/9), seguido à distância por 2/3. P. Leko e M. Adams 5.5; 4/7. V. Kramnik, L. van Wely, V. Topalov e P. Svidler 5; 8. A. Shirov 4.5; 9/10. V. Akopian e V. Bologan 4; 11/12. Z. Zhong e J. Timman 3.5; 13/14. I. Sokolov e E. Bareev 3.

          A. Shirov (2736) x (2706) I. Sokolov (9ª rod. Corus, Hol, 20.01.2004 - Espanhola, C 72) 1 e4 e5 2 Cf3 Cc6 3 Bb5 a6 4 Ba4 d6!? (Esse antiqüíssimo seguimento denomina-se de “moderna” Defesa Steinitz e leva a tensas posições táticas).
 


          5 0-0 Bg4 6 h3 h5!? 7 Bxc6+ bxc6 8 d4 Df6 9 Cbd2 (Um exemplo: 9 hxg4 hxg4 10 Cg5 Dh6 11 f3 Dh2+ 12 Rf2 Dh4+ 13 Re2 Be7 14 g3 Dxg3 15 Tg1 Dh2+ 16 Rd3 exd4 17 Txg4 Cf6 18 Tg1 Cd7! 19 Df1 Ce5+ 20 Rxd4 Dxc2 21 Cc3 Th2! 22 Re3 Tf2!!, 0-1. Ustinov-Klovans, Batumi 1961).

          9...Be6 (Um lance raro, quando o indicado pela teoria é 9...Ce7 ou mesmo 9...g5).

         10 Cb3 Dg6 11 Cg5!? (O próprio Shirov reconhece que o mais consentâneo seria 11 Dd3!?, mas ele queria explorar sua enorme vantagem de desenvolvimento. É viável também 11 Ch4 Dxe4 12 Cf3! f6 13 Te1 Dd5 14 Bd2! Ce7 15 Tc1 Bf5 16 c4 Df7 17 Ba5 Cg6 18 dxe5 dxe5 19 Cfd4 Dd7 20 Df3 Ch4 21 Dxc6 com superioridade, não obstante 0-1 in 52. Bangiev-Vorotnikov, Vilnius 1977).

        11...Bd7 (Se 11...Bc4 12 Te1 Be7 13 Ca5! Bxg5 14 Cxc4 Bxc1 15 Txc1 e brancas estão melhores).

        12 dxe5! dxe5 13 f4!! (“Malha-se o ferro enquanto o ferro está quente” e Shirov é o rei das posições abertas. Observem que apenas a torre de a1 ainda não está ativada).

        13...exf4 14 Bxf4 Be7?! (Segundo Shirov, “esse foi seu erro decisivo; sua única opção válida seria 14...f6 15 Cf3 Bxh3 16 Ch4 Dg4 17 Dxg4 Bxg4 18 Cg6 Th7 19 Bxc7 com ligeira vantagem”).

         15 Dd2 Td8 16 Cxf7! (Shirov disse que aqui nem precisou analisar muito, porquanto no mínimo ele teria a compensação material de duas peças menores por torre e dois peões, além, é claro, de manter o adversário sob constante pressão. O Hiarcs-8 afere para esse lance o vitorioso índice de +-1.89 pontos).

         16...Dxf7 17 Bxc7 De6 (Evidente, se 17...Cf6? 18 Bxd8 Bxd8 19 e5!+-).

         18 Bxd8 Bxd8 19 Rh1! Cf6?! (Um lance natural e... ruim. Era melhor 19...Be7 20 Tad1 Cf6 21 e5 Ce4 22 De3 Dg6, ainda que as brancas mantivessem sua perigosa iniciativa).

        20 Cc5 De7 21 Tad1! Bc8 (Depois de 21...Dxc5 22 Txf6! Bxf6 23 Dxd7+ Rf8 24 Dc8++-; no caso de 21...Bb6 22 e5! Cd5 23 Cxd7 Dxd7 24 c4+-).

       22 e5! Cd5 23 Ce4! Dxe5 (Se 23…Bc7 24 Cd6+ Bxd6 25 exd6 Dh4 26 c4! Dxc4 27 De1+ Rd8 28 Txd5!+- ou 25…Dd7 26 Tde1+ Rd8 27 Dg5+ Cf6 28 Txf6+-, arrematando em ambos os casos).

       24 Tde1 Be7 25 c4 Bb4 26 Cc3!, 1-0.

      P. Leko (2722) x (2679) V. Bologan (8ª rod. Corus, Hol, 19.01.2004 - Caro-Kann, B 17) 1 e4 c6 2 d4 d5 3 Cc3 dxe4 4 Cxe4 Cd7 5 Cg5 Cgf6 6 Bd3 e6 7 C1f3 Bd6 8 De2 h6 9 Ce4 Cxe4 10 Dxe4 Dc7 11 0-0 b6 12 Dg4 Rf8 13 b3 Bb7 14 Bb2 Cf6 15 Dh4 c5 16 dxc5 Dxc5 17 Bxf6 gxf6 18 Dxf6 Dh5!? 19 Tfe1! Tg8 20 Be4 Txg2+ 21 Rxg2 Dg4+ 22 Rh1! Bxe4 23 Txe4 Dxe4 24 Te1 Dh7 25 Cd4 Re8 26 Cxe6! Rd7 27 Df3 Tb8 28 Cd4 Tc8 29 Dh3+ f5 30 Cxf5, 1-0.

 


Estudos e problemas

720 A (L. Zalkind, Barcelona, 1914 - 4º pr.) 1 Ce5! h1=D 2 Bd5!! Dh5! (2...Dxd5 3 Cd3++-; 2...Df1 3 Ce3!+-) 3 Cd3+ Rf1 4 Ce3+ Rg1 5 Cf4! Dh2 6 Bg2!+-. B (A. Chéron, Hamburgischer Correspond, 1932) 1 Dc4! Bb3 2 Df1!! Bf7 3 Db5#.
 

HOME :: PERFIL :: ATUALIDADES :: COLUNAS :: TEORIA :: COMPUTAÇÃO :: ARQUIVO :: XADREZ FEMININO :: LINKS :: CONTATO