: : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : :   CRÔNICAS    : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : :
 

    Agnus Dei
 

Qual inocente cordeirinho, o futuro campeão mundial foi conduzido mansamente para o matadouro
 

A - Br. jogam e ganham



B - Mate em 3 lances

 

GMI Ljubomir Ljubojevic

 Da recente 35ª Olimpíada de Bled, na Eslovênia (out/nov), selecionamos a partida entre o jovem cordeiro azerbaijano Teimur Radjabov (12.03.1987) e o veterano e caviloso zorro iugoslavo Ljubomir Ljubojevic (02.11.1950), reavivando o conceito de que a experiência é um bem inestimável e doloroso, “aquele pente que a vida nos dá quando já não temos mais cabelos”.

T. Radjabov (2628) x (2557) L. Ljubojevic (11ª rod. AZE x IUG, Bled, 06.11.2002 - I. Dama, E 12)

1 d4 Cf6 2 c4 e6 3 Cf3 b6
Camaleão arisco, imprevisível, o calejado Liubo transita por quase todas as defesas com indisfarçável autoridade, tornando inócua uma preparação teórica para surpreendê-lo.

4 Cc3 Bb7 5 a3
Variante Petrosian, reforçando a posição do cavalo em c3 na luta pelo domínio central.

5...d5
Do contrário, 5...Be7 por exemplo, então 6 d5! e as brancas se assenhorariam do centro.

6 cxd5 exd5 7 g3
Idéia interessante: o bispo em g2 inibirá a expansão da maioria adversária na ala da dama, ...c5-c4, que aumentaria a fraqueza de d5.

7...Be7 8 Bg2 0-0 9 0-0 c5 10 Dc2
GM Teimur RadjabovDos cinco lances à disposição das brancas, 10 dxc5, Dc2, Ce5, Bf4 e Bg5, este último é o mais consentâneo, visando a enfraquecer o ponto d5; recentemente, aconteceu 10 Bf4 Ca6 11 Tc1 Ce4 12 dxc5 Caxc5 13 Be5 Te8 14 Cb5 Bf6 15 Bxf6 Cxf6 16 b4 Ce6 17 Cfd4 Cxd4 18 Cxd4 Ce4 19 e3! Dd7 20 Bf3! a5 21 Bg4 De7 22 Cf5 Df6 23 Dd4! Ba6 24 Tfd1 com clara superioridade, 1-0 in 37. Zoler-Mikhalevski, Tel Aviv 2002.

10...Cbd7 11 Td1 Tc8 12 Bf4
Ou então, como na partida-modelo dessa linha, 12 dxc5!? Bxc5 (12...bxc5? 13 Ch4!+/-) 13 Bg5 h6 14 Bxf6 Cxf6 15 Df5 De7 16 Cd4 Tfd8 17 e3 g6 com paridade, ½-½ in 54. Miles-Gligoric, Viena 1980.

12...Ce4 13 Tac1.Bf6 14 Db3 Cxc3 15 bxc3 Te8 16 Bh3 Bc6
Óbvio, se 16...Txe2? 17 Db5 Te7 18 Bd6+/-.

17 Be5?! Bxe5! 18 Cxe5 Cxe5! 19 Bxc8 Dxc8 20 dxe5 Txe5 - Diagrama 1
Balanço: o bispo na via-láctea a8-h1 e a falta de colunas abertas para a atuação das torres brancas justificam o sacrifício de qualidade.

21 Dc2 De6
O violento Gambit Tiger 2.0 oferece 21...Dh3, 21...Dd7 e 21...Dg4; entretanto, quem mais entende de assalto a galinheiro é a raposa com fome.

22 Td2
É evidente que 22 e3? triplicaria a força do bispo.

22...Bb5! 23 Te1 g5! 24 f3 Bc4
Aqui, a qualidade a mais é das pretas e o sucesso de Liubo dependerá de sua habilidade em costurar com esse agulhão de c4 uma efetiva mortalha para as brancas.

25 e4
Teimur precisa abrir uma coluna pelo menos para que suas torres respirem, mas isso implicará no perigoso destelhamento do seu castelo real.

25...g4! 26 Dd1
Razoável seria 26 f4 Txe4 27 Txe4 dxe4 28 Td8+ Rg7 29 Da4 e3 30 Te8 - se 30 De8 Df5! 31 De5+ Dxe5 32 fxe5 Rg6! e ganham - 30...Dd5 31 Txe3 Dd2 32 De8 Dxc3 34 De5+ Dxe5 35 Tzxe5 Rf8! com vantagem -+0.28.

26...gxf3 27 Dxf3 dxe4 28 De3
A enorme força das peças pesadas brancas está neutralizada e Liubo movimentará sua vencedora maioria.

28...Rg7 29 Td8 h6 30 Td2 30...Rg6! 31 Tf2 Bd3!
Abafando de vez a única coluna aberta e condenando as torres brancas a uma estéril horizontalidade.

32 Df4 Rg7 33 Te3 b5! - Diagrama 2
Com o centro e a ala do rei estagnados, as pretas movimentam sua maioria.

34 g4 a5! 35 h4 b4! 36 axb4 axb4 37 cxb4 cxb4 38 g5 h5! 39 Tb2
O Gambit sugere a inútil prudência de 39 Df6+ Dxf6 40 Txf6 Tb5! 41 Tf2 b3 42 Tb2 f5! 43 gxf6-ep+ Rxf6 e só as peças pretas jogam, -/+1.81.

39...Tf5! 40 Dg3 b3!
Liubo não se apressa em concluir nada, apenas oferece corda e veneno para a escolha de seu adversário.

41 Rh2 Tc5! 42 Df2!? De5+! 43 Rh3
Se 43 Tg3 Tc2! 44 Txc2 bxc2 45 g6!? fxg6 46 Da7+ Rg8 47 Db8+ Rh7 48 Da7+ Dg7 49 Dc5 Df7 50 Dg5 Bf1! ganhando.

43...Bf1+! 44 Dxf1 Dxb2 45 Dd1 Tc2!?
Era melhor 45...Tc1! 46 Txb3 - se 46 Dxh5?? Df2! - 46...Da1 47 Dd6 Th1+ 48 Rg3 De1+ 49 Rf4 Dxh4+ etc.

46 Dxh5 Th2+ 47 Rg4 Dg2+!, 1-0.
Depois de 48 Tg3 De2+ ou 48 Rf4 Df2+ 49 Rxe4 Txh4+, ganhando.


Soluções
665 A (Z. Birnov, Schajmaty in URSS, 1952 - 2º pr.) 1 Td6+ Rf7 2 Bb4 Bc5!? 3 Bxc5 Txc3 4 Tf6+! Re8 5 Bg1! Th3+ 6 Rg4 Txh1 7 Tf1!! Rd7 8 Te1! Rc6 9 Td1! Rb5 10 Tc1! Ra4 11 Tb1! Ra5/Ra3 12 Bb6/Bc5++-.
B (S. Loyd, New York Albion, 1857) 1 Tb3! Rc5 2 Db4+ Rc6 3 Db6#; 1…Re5 2 Te3!! Rd4/Rf4 3 Dc3/Dg3#.

 

HOME :: PERFIL :: ATUALIDADES :: COLUNAS :: TEORIA :: COMPUTAÇÃO :: XADREZ JUVENIL :: XADREZ FEMININO :: LINKS :: CONTATO