: : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : :   CRÔNICAS    : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : :
 

   Candidatos de Dortmund - 2
 

Com um estilo surpreendente e vibrante, Topalov vem se constituindo na grande atração dessa festa
 

 

A - Br. jogam e ganham



B - Mate em 3 lances

 

A fase final do Dortmund Sparkassen Chess Meeting 2002, que se realiza entre 6 e 21 deste mês, defrontava os super GM-As Veselin Topalov (15.03.75 Bulgária 2745 pontos-ELO) e Peter Leko (08.09.79 Hungria 2726), match em quatro partidas que indicará o próximo desafiante do atual campeão mundial (versão Einstein TV) Vladimir Kramnik.

     Nas semifinais, Leko eliminou sem dificuldades (2.5 a 0.5) a Alexey Shirov, enquanto Topalov, após duas vitórias e duas derrotas no ritmo normal, somente conseguiu vencer a Evgeny Bareev (1.5 a 0.5) no playoff em partidas de 25'.

     A grande atração dessa festa vinha sendo a atuação desabrida do até então recatado GM-A búlgaro, como se pode inferir do que segue.

 V. Topalov (2745) x (2717) E. Bareev (2ª playoff 25' semifinal Dortmund, 17.07.02 - Francesa, C11)
1 e4 e6 2 d4 d5 3 Cc3 Cf6 4 Bg5 dxe4
Depois das duas últimas partidas deste match, quando surpreendentemente Veselin imprimiu um caráter violentíssimo ao seu estilo,
Evgeny Bareev preferiu resguardar-se na segurança dessa Variante Burn.

5 Cxe4 Cbd7 6 Cf3 Be7 7 Cxf6+ Bxf6 8 h4!
Além de promover um ataque à baioneta na ala do rei, esse lance tem o condão de ativar a torre de h1 via terceira fileira — no caso do grande-roque das pretas.

 8...c5 9 Dd2 cxd4 10 Cxd4
Ou então, 10 0-0-0 h6 11 Bxf6 Cxf6 12 Db4! De7 13 Bb5+ Rf8 14 Dxd4 a6? 15 Dd8+ Ce8 16 Bxe8 Dxd8 17 Txd8 Re7 18 Txc8! Txc8 19 Ba4 com superioridade, 1-0 in 35. Shirov-Sadvakasov, rapidplay Liepaja 2001; é possível que Veselin tenha-se inspirado nessa partida rápida (25'), quando se torna ainda mais difícil a defesa de um rei desarvorado, sem roque e sem rumo no meio do tabuleiro.

10...h6
O super GM-A Bareev é o maior “francês” do xadrez magistral e devia conhecer muito bem o pau que Veselin deu ano passado em Van Wely e Shirov, depois de 10...0-0 11 0-0-0 h6; aqui, contra Van Wely, ele optou por 12 Bxf6 Cxf6 13 Be2 e5 14 Cb5 Db6 15 De3 Dxe3+ 16 fxe3 Cg4 17 Bxg4 Bxg4 18 Td5 e venceu a duras penas, 1-0 in 52 - Mônaco 2001; contra Shirov, 12 Cf3!! Db6 13 c3 e5 14 Be3 Da5 15 g4! e4 16 g5! Be7 17 gxh6!! Dxa2 18 Dd4 Cf6 19 hxg7 Te8 20 Bc4 Da1+ 21 Rc2 Da4+ 22 Bb3 Dxd4 23 Cxd4 Rxg7 24 Tdg1+! Rh7 25 Bxf7, 1-0 in 35 - León 2001.

11 Bxf6 Cxf6 12 Db4! Cd5?
O Junior-7.0 prefere 12...a5 ou 15...a6!?, com igualdade absoluta =0.00; por exemplo, 12...a5 13 Bb5+ Bd7 14 Da3 De7 15 Bxd7+ Cxd7 16 Th3 Cc5 17 0-0-0 0-0, jogo equilibrado. Com 12...Cd5, Evgeny abdica de seu roque, na esperança de safar-se ao assédio de três peças pesadas, um cavalo centralizado e um super GM-A a conduzi-lo.

13 Da3! De7 14 Bb5+! Bd7 15 Bxd7+ Rxd7
Mal menor seria 15...Dxd7 16 Td1! b5 17 0-0 b4 18 Dg3 0-0 19 Tfe1, não obstante a superioridade das brancas, +0.32.

16 Da4+ Rc7 17 Th3! a6
Não servia 17...Db4+ 18 Tc3+! Rb6!? 19 Dxb4+ Cxb4 20 Tb3 Rc5 21 c3 Cd3+ 22 Re2 Cf4+ 23 Rf3 e5 24 Td1! Com clara vantagem, +0.83.

18 Tb3! Dc5 19 0-0-0! b5?
O Junior propõe a interessante meia-sola de 19...Cb6!?, posto que as brancas não dispõem do ilusório 20 Cxe6+ fxe6 21 Df4+ e5! 22 De4 Rb8, quando as pretas se manteriam, ainda que segurando um lobo pelas orelhas.

20 Da5+ Db6 21 De1!! - diagrama
Um drible espetacular: além de deixar a dama preta na linha do trem e a um coice de distância do cavalo de d4, a rival branca pretende todo o espaço possível para concretizar seu ataque.

21...Rb7 22 De2!
A ameaça é simples: 23 Cxb5, ganhando.

22...Ra7 23 Cxb5+!
O Junior dá toda a seqüência que ocorreu na partida, aferindo a partir deste lance uma vantagem definitiva para as brancas de +-2.47.

23...axb5 24 Txb5 Dc6 25 Tdxd5!! exd5 26 De7+!
Melhor do que 26 De3+ Ra6 27 Tb4 Db5!? com alguma resistência.

26...Ra7 27 Tb3!, 1-0.
Depois de 27...Db6 (se 27...Db5 - mate em 7 lances: 28 Dd6+!) 28 Ta3+ Da5 (se 28...Rb5 - mate em 10: 29 Dd7+!) 28 Txa5+ Rxa5 29 Dxf7, com devastadora vantagem.

Soluções
647 A (L. Mitrofanov, Concurso in URSS, 1953/54) 1 Dh5+!! Rxh5 2 Rg3 Da2 3 Bxa2 Td5 4 Bc4! Ba2 5 Bxa6 Tb5 6 Rh3! Txf5 (6...Tb2 7 Bc4!+-) 7 Be2+!! Rg6 8 Bd3! c5 9 Rg3! c4 10 Bc2! c3 11 Rh3 h5 12 Rh4+-.
B (F. Giegold, Schach Echo, 1956)
1 Ta2!! bxa2 2 Bxa2 Rxg6 3 Bb1#.

 
 

HOME :: PERFIL :: ATUALIDADES :: COLUNAS :: TEORIA :: COMPUTAÇÃO :: XADREZ JUVENIL :: XADREZ FEMININO :: LINKS :: CONTATO