: : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : :   CRÔNICAS    : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : :
de
Hélder Câmara


   14/02/2004                 

A dura prova de fogo dos torneios europeus

O vestibular dos jovens GMs latino-americanos
 

       A vitória do GM cubano Lázaro Bruzón (02.05.1982 - 2603) no Corus B, categoria 13, do 67º festival de Wijk aan Zee, na Holanda, seguido pelo seu compatriota Lenier Dominguez (23.09.1983 - 2605), revela a constante evolução e permanente reciclagem enxadrística na terra do genial campeão mundial J. R. Capablanca.

       Bruzón totalizou 9 pontos em 13 possíveis, jogando sempre em aguerrido estilo, enquanto o comedido Dominguez perfazia 8.5 pontos.

        A verdadeira consagração dos jogadores latino-americanos sempre se vinculou a vitórias desse jaez, superando as grandes promessas e destacados ases do xadrez europeu.

        L. Bruzón (2603) x (2586) F. Nijboer (3ª rod. Corus B, Hol, 13.01.2004 - Trompowsky, A 45) 1 d4 Cf6 2 Bg5! (Uma idéia original do mestre e campeão brasileiro Octávio Trompowsky, que num único arrazoado a seu respeito escreveu: “Um lance analisado pelo autor destas linhas com o intuito de fugir dos livros e poder enfrentar os mestres com armas mais ou menos iguais”).

        

       2...c5 (A melhor opção é 2...Ce4 e 3...c5).

       3 d5!? (Fugindo à razão principal dessa linha, que é estropiar a estrutura dos peões pretos com 3 Bxf6!). 3... Db6 4 Cc3! Dxb2?! (A teoria condena essa captura do “peão da vovozinha”, mercê dos tempos perdidos na abertura).

       5 Bd2! Db6 6 e4 e5 (Ou então, 6...d6 7 f4 g6 8 e5! dxe5 9 fxe5 Cfd7 10 Cf3 Bg7 11 Tb1 Dd8 12 e6! fxe6 13 Cg5!! Cf6 14 Bb5+ Rf8 15 dxe6 a6 16 Be3! Da5 17 0-0! h6 18 Dd3!! Rg8 19 Dxg6 Bxe6 20 Cxe6 Th7 21 Txf6! Cd7 22 Bxd7, 1-0. Vaganian x Kupreichik, cp. URSS 1974).

       7 f4! d6 8 Cf3 Cbd7 9 fxe5 dxe5 10 Bc4 Be7!? (Em 1993, Leko preferiu 10…Be6, obtendo uma posição de equilíbrio; mas bloqueio de peão passado é função de cavalo).

      11 Tb1 Dd8 12 Bg5 h6 13 d6! (Eis aí um lance absolutamente “humano”, posto que nenhum dos meus sofisticados softs o registra sequer como terceira opção. No entanto, a lógica sugere explorar ao máximo o comprometedor atraso em desenvolvimento do adversário, mesmo que isso implique em valioso sacrifício de material).

      13...hxg5 14 Cxg5! 0-0 (E as pretas já passam por sérias dificuldades; por exemplo, 14...Da5 15 Bxf7+ Rf8 16 dxe7+ Rxe7 17 Df3 Cb6 18 0-0, com notável superioridade).

      15 0-0! Cb6 16 dxe7 Dxe7 17 Txb6! (Enquanto todos “pensam” que Lázaro entregou uma qualidade — torre por cavalo — os jogadores de ataque “sentem” que ele ganhou uma peça, pois removeu em sua escalada um obstáculo defensivo, não importanto o seu preço).

       17...axb6 18 Cd5! Cxd5 (Friso não pode escapar disso, pois se 18...Dd8? 19 Cxf6+ gxf6 29 Bxf7+! Rg7 30 Dh5! fxg5 31 Dg6+ Rh8 32 Dh6#).

       19 Dh5! (Agora, as pretas são obrigadas a entregar material pesado para conter a iminente ameaça de mate). 19...Dxg5 20 Dxg5 Cf4 21 Dxe5 Be6 (Como corolário de seu infortúnio, as pretas não dispõem de lances úteis: 21...Cg6? 22 Bxf7+! Txf7 23 De8+ Tf8 24 Dxg6, ganhando). 22 Txf4 Bxc4 23 Dh5!? (O Shredder-8 prefere 23 Tg4! f6 24 Dc7! Tf7 25 Dxb6, ensaiando uma verdadeira razia na ala da dama).

       23...Txa2 24 Th4 Ta1+ (Se 24...f6 25 Dh7+ Rf7 26 Tg4 Ta1+ 27 Rf2 Tf1+ 28 Rg2 Tg8 29 e5! Be6 30 Dg6+ Re7 31 exf6+! Txf6 32 De4 Rd6 33 Tg5! e as brancas não teriam dificuldades em impor sua superioridade material +-2.31).

       25 Rf2 f5 26 Dh7+ Rf7 27 exf5, 1-0. As pretas já não dispunham de meios para salvar sua comprometida posição.

 


Estudos e problemas

723 A (R. Rey Ardid, Die Scheakwerol, 1938) 1 Rd4! Re6 2 Rc5 Re5 3 Rb5 Rd4 (3…Rf4 4 c5!+-) 4 g5!! fxg5 5 c5 g4 (5…a4 6 c6 a3 7 c7 a2 8 c8=D a1=D 9 Dh8++-) 6 c6 g3 7 c7 g2 8 c8=D g1=D 9 Dc5++-. B (P. Biscay, Action Française, 1936) 1 Rd5!! Td2 2 De4+ Rh2 3 Dh4#; 1…Te2 2 Cf2+! Txf2 3 Dg1#; 2…Bxf2 3 Dg2#.
 

HOME :: PERFIL :: ATUALIDADES :: COLUNAS :: TEORIA :: COMPUTAÇÃO :: ARQUIVO :: XADREZ FEMININO :: LINKS :: CONTATO