: : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : :   CRÔNICAS    : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : : :
 

  Young Masters 2000
 

 

 

A segunda edição do Young Masters Chess Tournament, realizado em Lausanne, na Suiça, entre 31 de maio e 4 de junho, reuniu os mais expressivos valores da nova geração do topboard internacional.

     O vencedor dessa competição, Alexander Grischuk (31.10.83 Rússia 2.581) é a maior e mais consistente revelação do xadrez magistral nesta última década. Precisamos acabar com esse romantismo histórico e histérico exaltando que "fulano é o mais jovem GM de todos os tempos" e outras frescuras correlatas. O que nos interessa é a qualidade do xadrez apresentado, pouco importando de onde venha ou de quem venha.

     Em maio, Grischuk, na última rodada, disputou na mesa 1 (contra Smirin) a primeira colocação do New York Open. A tabela final do Young Masters registrava: 2. Ruslam Ponomariov (11.10.83 Ucrânia 2.627) 3. Alexander Galkin (08.02.79 Rússia 2.566) 4. Vladimir Makharov (27.11.80 Rússia 1.593) 5. Dennis De Vreught (04.11.80 Holanda 2.498) 6. Bu Xiangzhi (10.12.85 China 2.565) 7. Laurent Fressenet (01.11.81 França 2.501) 8. Florian Jennni (24.03.80 Suiça 2.446).

   R. PONOMARIOV (2.627) x (2.581) A. GRISCHUK (2ª p. final, Lausanne, 03.06.00 -- Escocesa, C 45)

   1 e4 e5 2 Cf3 Cc6 3 d4
    A abertura Escocesa merece aplausos quando é empregada como surpresa ou quando há um razoável desnível técnico entre os contendores. Como esse não é o caso entre ambos, vejamos o que nos diz a teoria: "A pressa das brancas em ocupar o centro com a finalidade de montar um ataque sobre o flanco-rei, antes mesmo de completar seu desenvolvimento normal, tem como incoveniente facilitar uma possível e esvaziadora troca de peças".

      3... exd4 4 Cxd4 Bc5
  Não é demais lembrar que, ano passado, também na finalíssima do 1º Young Masters, aconteceu 4...Cf6 5 Cxc6 bxc6 6 e5 De7 7 De2 Cd5 8 c4 Ba6, quando, após uma luta cheia de peripécias, o condutor das pretas venceu a partida e consequentemente o torneio, 0-1 in 48, Pomomariov-Bacrot. Agora, outra vez numa Escocesa, Ponomariov perde o título para Grischuk. Ano que vem... quem será o condutor das pretas?

     5 Be3 Df6 6 c3 Cge7 7 Bc4 b6!?
  O mais comum continua sendo 7...Ce5 8 Be2 Dg6 9 0-0 d6 10 Rh1 Dxe4 11 Cd2 Dg6 12 Cb5 0-0 13 Cxc7 Tb8, com chances equivalentes, 1/2-1/2 in 32. Rublevsky-Svidler, Russia Club Cup 1998.

  8 0-0 Bb7 9 Cb3!?
  Há dois meses ocorreu 9 f4! 0-0-0 10 b4?! Cxd4 11 bxc5 Ce6 12 cxb6 axb6 13 Bd3 d5! 14 e5 Dh6 15 Ca3 d4 16 cxd4 Cd5! 17 Dd2 Cxe3 18 Dxe3 Txd4! e as pretas venceram, 0-1 in 42. Motylev-Grischuk, Ubeda 2000. Análises de 1991 indicavam 9 f4! 0-0-0 10 Tf3! g5 11 fxg5 Dg6 12 Cd2 Ce5 13 Tf6! Dg7 14 Bf1, com um jogo preferível. No caso de 9 b4 Cxd4 10 cxd4 Bxb4 11 a3 Ba5 12 d5 0-0 13 f4? b5! 14 e5 Dh6 15 Bb3 Cf5, com superioridade. Shirov-Agdstein, Hastings 1991/92.

  9... Ce5 10 Cxc5 bxc5
 
"E aqui, as pretas estão muito bem" -- Chandler, 1991! Ocorre, porém, que, formação soviética, o olho de Ponomariov cresceu ante essa falsa vantagem do par de bispos. É isso aí: garoto muito seguro, que nunca fugiu da escola, no dia em que salta um muro, quebra a cabeça ou se esfola...

  11 Be2 Bxe4 12 f3 Bb7
  Seria um erro ganhar um peão com 12...Bxb1 13 Txb1 d6, porquanto, aí, sim, o par de bispos numa posição aberta se transformaria em tesouras afiadas recortando o tabuleiro e as pretensões adversárias.

  13 Bxc5 0-0 14 Cd2 d6 15 Bd4 Cd5!
 
Grischuk, com o trote ligeiro de seus cavalos pelas casas pretas perigosamente enfraquecidas, demonstra a precariedade posicional das brancas.

  16 g3?!
  Excesso de zelo ou formação estereotipada, o fato é que um dos dogmas da santa madre escola estabelece a colocação de peões, aliás, de estacas na terceira fileira como o melhor meio de impedir os perigosos saltos de cavalo dentro do nosso campo. O Hiarcs-7.32 e o Fritz-6.0 oferecem 16 Ce4 Dg6 17 Dd2 Tfe8 18 Cg3, com equilíbrio.

  16...Dg6 17 Rh1? - diag. 1
  Acredite se quiser. mas os experts apontam esse lance como a causa da derrota de Ponomariov, ou seja, um mínimo deslize será o suficiente para comprometer irremediavelmente sua posição. O mérito de Grischuk estarána exploração magistral dessa imprecisão; a opção correta seria 17 Cc4!

  17... Cg4! 18 Cc4 Dh6 19 Bg1 Tae8!
  Por ironia, o Junior-6.0 e o Fritz, táticos, indicavam o esvaziador 19...Cge3, e o posicional Hiarcs sugeria o lance do texto, com um índice vantajoso de -0.41.

  20 Dc2 f5!
  Olha aí, colocando em jogo a retardatária e preguiçosa torre de f8; enquanto a dama branca estiver a um salto do cavalo de d5, o cavalo de g4 estará garantido.

  21 Bd3 f4! - diag. 2
  Aqui, a minha trinca terrível -- Fritz. Hiarcs, Junior -- examina, entre as três principais opções, remendos paliativos do tipo 22 Rg2, 22 Dg2 e 22 gxf4. Grischuk dá um show, combinando ameaças de mate (f3 e h2) com o domínio total e fatal da fraqueza de e3.

  22 Dd2 Cde3! 23 gxf4 Cxf1
  Antes, segundo as máquinas, um mal menor seria 23 Cxe3 fxe3 24 Ddl Cf2+ 25 Txf2 exf2 26 Db3+ Rh8 27 Bxf2 Bxf3+, com índices superiores a -2.50, aniquiladores; agora, a trinca oferece a contundência de 23...Dxf4!!, ameaçando 24...Cxc4 ou 24...Dxf3+! Por exemplo, 25 Bxe3 Bxf3+ 26 Txf3 Dxf3+ 27 Dg2 Dxg2+ 28 Rxg2 Cxe3+ etc, -2.90. Notem que em todas essas linhas a torre de a1 assiste de longe o impiedoso massacre dos seus.

  24 Txf1 Txf4
  O único bispo das pretas vale muito mais do que esses dois atrapalhados papa-hóstias das brancas; Ponomariov é muito moço e ainda não deve ter noção do ridículo, senão ele já teria abandonado.

  25 Dg2 Tel (diag. 3) 26 Cd2 Txf1
  O Fritz e o Junior apontam como melhor 26...Ce3, mas nessas alturas, quase todos os lances razoáveis conduzem à vitória.

  27 Bxf1 Tf8 28 De2 Ce5 29 Bg2 a6 30 Bd4 Df4 31 Bxe5 Dxe5 32 Dxe5 dxe5 33 Rg1 Td8! 34 Cc4 Td1+ 35 Bf1
  É claro, 35 Rf2 Bd5 36 Re2 Tb1, ganhando.

  35... Bxf3 36 Rf2 Bb7 37 a4 Rf8! 38 h4 Re7! 39 Be2 Th1 40 h5 Rf6! 41 b4 Tc1 42 Ce3 Txc3 43 Bxa6 Txe3! 44 Bxb7 Tb3 45 a5 Txb4 46 a6 Ta4, 0-1.

 
 

HOME :: PERFIL :: ATUALIDADES :: COLUNAS :: TEORIA :: COMPUTAÇÃO :: XADREZ JUVENIL :: XADREZ FEMININO :: LINKS :: CONTATO